Nudismo / Naturismo Evangélico divide opiniões entre cristãos

Notícias - Espiritualidade
Publicado em: 9 de maio de 2019 - Visto 468 vezes.
Langues / Languages:
  • Português
  • English
  • Français

  • Nudismo / Naturismo Evangélico divide opiniões entre cristãos

    Você pode nunca ter ouvido falar, mas parece que o nudismo evangélico existe e está dividindo opiniões entre os que apoiam e os que são contra a prática aqui no brasil.

    Uma das discussões sobre o assunto foi causada por uma matéria publicada pelo site Gospelmais, que acabou viralizando nas redes sociais.

    A matéria com o título “Nudismo evangélico cresce e se espalha pelo Brasil”, é um pouco antiga (04/14), mas isso parece não importar os críticos e apoiadores da prática do Naturismo Cristão.

    Nela o site explica que a prática do nudismo tem crescido entre evangélicos, mas não apenas nos locais destinados aos encontros sociais sem roupa, como praias, por exemplo, mas também em templos, durante os cultos, em reuniões de leitura da Bíblia e oração.

    De acordo com o conteúdo da matéria, as pessoas que se autodenominam “naturistas cristãos”, falam que o nudismo evangélico não surgiu no Brasil, mas teria chegado aqui, se espalhado e se organizado em comunidades, realizando encontros nas praias dedicadas ao nudismo.

    Nudismo Evangélico: Quem são?

    Praia de nudismo

    Aparentemente, os adeptos do nudismo evangélico, são um grupo de cristãos de diferentes igrejas que descobriram na prática naturista uma forma de desenvolvimento pessoal, de comunhão mais profunda ou, em alguns casos, apenas uma saudável opção de lazer.

    Eles explicam que, assim como o cristianismo, o naturismo também não se restringe a grupos sociais específicos, sendo composto por pessoas das mais diferentes profissões, níveis de escolaridade, faixas etárias e classes sociais. 

    A justificativa para o apoio ao movimento é de que o pecado reside na intenção.
    Só porque uma pessoa não gosta de usar roupas, não quer dizer que ela não tenha Deus no coração.
    Imoral é o que se faz de sujo com o corpo.

    Ainda de acordo com a matéria, a prática vem se espalhado inclusive através de vídeos, com adesão até de igrejas pentecostais e os adeptos dizem sentir a presença de Deus nas reuniões.

    Fonte: Site Gospelmais (gospelmais.com.br)

    Nas redes e sites de notícias, tanto evangélicos, quanto não evangélicos, as opiniões sobre o assunto são divididas, uns concordam com a prática e afirmam que até mesmo participariam do movimento, e outras são completamente contra e garantem que o movimento contraria os ensinamentos cristãos.

    E você? Qual é a sua opinião pessoal sobre o assunto?
    Deixe seu comentário no final da página

    ugame66

    Sending
    Nota de visitantes:
    0 (0 voto)
    Nota com comentários: 0 (0 votos)

    Sobre o autor:

    Esse post foi publicado em 9 de maio de 2019 por Alexandre Santos.
    Blogueiro desde 2009 - Programador - Amante da tecnologia e internet.
    #COMPARTILHE:
    .

    O que os leitores dizem:

    1. Sergio disse:

      Entendo tb que a falta de roupa não nos afasta se Deus !!!!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Sending